Continua após a publicidade..

4 restaurantes do chef Rodrigo Oliveira em São Paulo

O chef Rodrigo Oliveira já era famoso na gastronomia paulistana, mas será ainda mais: ele agora é o novo jurado do MasterChef Brasil, substituindo o chef Henrique Fogaça na 10ª temporada do programa culinário da Band.

Continua após a publicidade..

Quem é o chef Rodrigo Oliveira?

Rodrigo Oliveira é famoso especialmente por ser chef do restaurante Mocotó, na Vila Medeiros, em São Paulo, que nasceu das lembranças do bar fundado pelo seu pai.

Filho de pernambucanos, Rodrigo é hoje uma referência em comida brasileira autêntica, sertaneja, nordestina, e mais: é um cara que briga por uma alta gastronomia premiada que seja inclusiva, com preços acessíveis e em bairros periféricos.

Ele é formado em Gastronomia pela Universidade Anhembi Morumbi e coleciona louros na área: reconhecimento como um dos melhores chefs do Brasil, selo Bib Gourmand no Guia Michelin, presença em listas internacionais como Food & Wine, Le Figaro e Restaurant.

Continua após a publicidade..

Mas nada disso é tão importante quanto o fato de ele ser o popularizador do dadinho de tapioca, um dos petiscos mais famosos de qualquer bar do Brasil de Norte a Sul. Foi Rodrigo quem lançou o acepipe de tapioca e queijo coalho no Mocotó, que virou um sucesso estrondoso inspirando versões país afora.

fotografia do chef Rodrigo Oliveira

Chef Rodrigo Mocotó é um dos principais representantes da gastronomia regional. Foto: Carol Gherardi / Divulgação

Os restaurantes de chef Rodrigo Oliveira em SP

Mocotó

O Mocotó é um marco da cozinha brasileira e um dos melhores lugares para comer receitas nordestinas, frutos do mar e comida sertaneja no Brasil todo: comida deliciosa, farta e com preço muito acessível. É impossível visitá-lo sem sair apaixonado.

O restaurante honra a história da família do chef, já que nasceu das lembranças resgatadas no bar do seu pai, aberto em 1973, que era popular pelo caldinho de mocotó. O prato é um clássico do cardápio do restaurante e custa a partir de R$21.

No cardápio de receitas clássicas do Norte e do Nordeste (chips de mandioca, iscas de tambaqui, pirão de tucupi, favada, sarapatel…), não dá pra perder os famosíssimos e originários Dadinhos de Tapioca (a partir de R$22 a porção), a bochecha de porco com pirão de tucupi (R$33) e o baião de dois (a partir de R$30).

Entre os pratos principais, a peixadinha do São Francisco, feita com pintado no molho de coco e farofa de castanhas (R$85) e o pirarucu assado com mandioca, vinagrete de feijão fradinho e crocante de castanha-do-Pará e torresmo (R$120) são imperdíveis. São pratos bem servidos e dá para compartilhar, dependendo da fome.

A opção vegana é a moqueca sertaneja (R$75), feita com cozido de caju, banana da terra, maxixe, abóbora e folhas da horta, mix de arroz vermelho, farofa crocante de castanha e coco queimado.
Para beber, corra pras caipirinhas com frutas da estação e as especiais, como a de caju, limão cravo e mel e a clássica Minha Nêga, feita com rapadura.

  • Atenção: o Mocotó costuma ter MUITA fila. Programe-se para ir durante a semana, se possível, ou no jantar de sábado, que é mais vazio. Para almoçar no fim de semana, chegue às 11h30, hora que a casa abre, para evitar a espera.

Quanto custa almoçar no Mocotó?

Petisquinhos saem na faixa de R$20 a R$25, porções pra compartilhar custam entre R$20 e R$35. Tapiocas saem na faixa dos R$20 e escondidinhos por cerca de R$60.

Continua após a publicidade..

Os pratos principais são grandes e podem servir duas pessoas, dependendo da fome, ficando na faixa de R$50 a R$60 por pessoa. Cervejas de 600ml saem a partir de R$17, com opções de cervejas artesanais, e os drinks saem de R$25 a R$40, em copões grandes. Preços atualizados em 2023.

Avenida Nossa Sra do Loreto, 1100 – Vila Medeiros
Instagram

dadinhos de tapioca do mocotó, do chef Rodrigo Oliveira

Os originários dadinhos de tapioca e o Pirarucu com mandioca e vinagrete do Mocotó

Mocotó no D

Unidade do Mocotó no Shopping D, no bairro Canindé, com ambientação e cardápio muito similares ao Mocotó original.

A diferença desta unidade é o cuscuz (típico do sertão, com ovo mole e crocante de milho) que sai a partir de R$17 e a possibilidade de almoço executivo, que não tem na matriz: de segunda a sexta, qualquer um dos pratos principais dá direito à sobremesa ou salada do dia por mais R$20.

Shopping D – Avenida Cruzeiro do Sul, 1100 – Canindé
Instagram

Balaio

Fica no térreo do Instituto Moreira Salles, ou seja, é perfeito para combinar com um passeio turístico ou artístico pela região da Paulista.

O Balaio tem cardápio enxuto, mas contempla a gastronomia Brasil em receitas regionais criativas, como o mineirin (pão de queijo com paleta, couve e queijo canastra, R$36) e o gauchinho (costela bovina no pão brioche com queijo Yamandú e maionese de chimarrão e chucrute, R$40).

Pratos individuais saem a partir de R$74 (caso dos cogumelos assados com tucupi preto e berinjela) e os para compartilhar, a partir de R$155 (preço da moqueca de caju e banana da terra), ambas boas opções veganas. O arroz de linguiça bragantina com costelinha e quiabo (R$77) é outra ótima pedida.

Continua após a publicidade..

Também oferece menu executivo de terça a sexta, com acréscimo de entrada ou sobremesa por R$20.
No quinto andar do instituto, ainda tem o Balaio Café, com doces e salgados a partir de R$8.

Instituto Moreira Salles – Avenida Paulista, 2424 – Bela Vista
Instagram

pratos do chef Rodrigo Oliveira

Arroz de linguiça bragantina e a moqueca de caju do Balaio, no IMS

Mocotó Café

O pequenino Mocotó Café é uma versão express da casa mãe, em um stand do hype Mercado de Pinheiros.

O menu é dividido em café da manhã e almoço, mas serve clássicos do restaurante, como os dadinhos de tapioca – óbvio! – e o caldo de mocotó.

De manhã, sai o café típico do sertão a partir de R$10: tem tapioca, cuscuz ou pão na chapa, recheados de queijo ou carne de sol com nata. No almoço, é a vez do baião de dois (a partir de R$44), do escondidinho de carne seca (R$53) e da peixadinha (R$54).

Mercado de Pinheiros – R. Pedro Cristi, 89 – Pinheiros
Instagram

Preços e informações atualizados em janeiro de 2023. Cardápios e valores podem ser alterados a qualquer momento, sem aviso prévio. Confira antes de ir.

Você pode gostar...

4 Resultados

  1. Carla disse:

    Tudo o que já comi no Mocotó sempre foi maravilhoso, bem servido e com a simplicidade genuinas do nosso nordeste! Super recomendo! Parabéns!

  2. Maria do Carmo disse:

    O melhor restaurante de São Paulo na minha opinião. Valoriza nossos ingredientes, nossa terra, nosso povo e nossa cultura.

    • Indrany disse:

      Masterchef Rodrigo, gostaria que vc me envia e a receita de dadinho de tapioca , não posso consumir farinhas que contém glúten..
      Sou *ndrany, de BH MG

  3. FLAVIO BARBOSA RANZANI disse:

    Muito bom estar num restaurante e ser bem atendido e bem servido e comer uma comida saborosa.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *