Melhores restaurantes de Medellín: cafés, comida colombiana e cerveja

Pouco se falava de Medellín aqui no Brasil até a série Narcos estrear na Netflix. Mas a verdade é que, do cenário da série, a capital da Antioquia só mantém a buena vibra. Medellín é o reduto hipster da Colômbia, com grafites imensos, parques bem cuidados, comida de rua, bistrôs veganos, cerveja artesanal, lojas de design e mochileiros brotando do chão.

Para quem gosta de comer bem, a Colômbia já é um destino a ser descoberto por si só – e Medellín está cada vez melhor para isso, com uma gastronomia barata e maravilhosa e cafés aconchegantes de se esquecer do mundo lá fora. Use os links abaixo para ir ao ponto de seu interesse no texto.

Comida típica colombiana e antioqueña

Se você não conhece a culinária colombiana e as receitas tradicionais do estado de Antioquia, onde fica Medellín, anota aí o que não pode deixar de provar:

Arepas

São mais de 70 os tipos de arepas colombianas, mas as mais comuns de Medellín são discos de massa de farinha de milho recheados com queijo, vendidos em barraquinhas como tapioca.
arepas, comida colombiana

Dizem por aí que existem mais de 70 tipos de Arepas na Colômbia

Arepas de Choclo

As melhores arepas! Feitas com o milho triturado, são mais adocicadas e macias. É só jogar um queijinho em cima para ficar perfeito!

Empanadas

Que em nada têm a ver com as chilenas, bolivianas ou argentinas, já que são fritas. Também recheadas de carne ou frango, lembram mais os nossos risoles, embora sejam mais sequinhas e menos massudas.

Palitos de Queso

Também típicos de outros países do norte da América do Sul. São massinhas adocicadas e fritas recheadas com queijo, às vezes servidas com geleia de frutas vermelhas.

Patacones

Bananas da terra verde fritas que funcionam como os “chips” colombianos, acompanhando os pratos e os petiscos.

Cazuelas

São os ensopados. Note que, na Colômbia, as cazuelas têm sustância: você pode pensar que pediu uma canja de galinha e descobrir que ela vem com abacate, alcaparras e torresmo.

Ajiaco

Uma espécie de cazuela de frango com batatas e uma espiga de milho (e alcaparras, e abacate…).

Limonada de Coco

Delicioso suco que mais parece um smoothie, em que o coco é batido com o suco de limão.

Bandeja Paisa

O prato mais típico de Medellín é uma incursão latina no English Breakfast: arroz, feijão, ovo frito, carne de porco, de boi, torresmo, linguiça e morcilha, com abacate, arepas e patacones (atenção, porque consegue ser maior do que parece).

Os melhores restaurantes e bares de Medellín

Para provar essas e outras receitas, a gente indica alguns dos nossos restaurantes favoritos: tem pizzaria, argentino, café, comida típica, comida oriental, todos com muitas opções vegetarianas e tudo muito, muito bom. A maior parte fica nos bairros de El Poblado, Manila e Provenza, zonas do maior movimento gastronômico da cidade (e onde costumamos nos hospedar). Os preços estão em pesos colombianos.
  •  As barraquinhas de rua das Calles 9 e 10 para comer empanada, arepa e arepa de choclo por menos de $5.000
  •  O Cambria Café Resto para bolos, pães e croissants memoráveis ($4.000)
  •  O Ganso y Castor para pratos parrudos e ainda assim requintados de café da manhã e brunch (a partir de $10.000)
  •  O Pergamino para comprar lindos pacotes do melhor café da cidade em grãos ou moído ($25.000)
  •  O Velvet e o Urbania para um café da tarde mais despretensioso (a partir de $4.000)
  •  O Gautama para a melhor comida leve e barata (menu a partir de $15.000)
  •  O Mondongos para uma comida local bem servida para um batalhão (a partir de $20.000)
  • O Mercado del Río para provar de tudo um pouco no moderno e ainda assim primeiro mercado gastronômico da Colômbia
  •  O Café Zorba e o Olívia para as melhores pizzas (a partir de $25.000, para dividir)
  • O Paralelo 17 e o Naan, pela melhor comida oriental e indiana (refeições a partir de $30.000)
  • A fábrica da 3 Cordilleras e os bares da BBC para a melhor cerveja artesanal

Para tomar um café da manhã ou à tarde, são três os melhores cafés: o Pergamino, na Via Primavera, mais hipster e, por isso, mais lotado – é a melhor indicação de café antioqueño em grão ou em pó para levar para casa, inclusive para presentear; o Café Velvet, quase em frente, igualmente gostoso, mas mais tranquilo; e o Urbania Café, ligeiramente fora do eixo central da Zona Rosa, ainda mais despretensioso e com um ótimo café, que também pode ser comprado em grãos ou moído na hora.

Já o Cambria Café Resto tem jeito de padoca – abre cedinho, às 7h30 da manhã, e é mais aconchegante. Dá para escolher os bolos e pães da casa, os bowls de frutas, iogurtes e cereais, mas o melhor é o croissant recheado (a partir de $4.000) em combinações não tão matinais, como pesto e queijo holandês, gorgonzola e blueberry e frango com bacon e aspargos.

sobremesas de medellín

Dos croissants do Cambria, o carro-chefe é o de amêndoas, mas não deixe de provar os salgados diferentões

Para um brunch mais potente, o Ganso y Castor, em Provenza, Manila e Ciudad del Río, junto ao Museu de Arte Moderna de Medellin, é uma boa pedida. Os ovos pochê com gema mole sobre bagel fofinho (a partir de $16.000) são ótimos nas versões de Salmão defumado ou Benedictinos, com aspargos.

cafés em medellín

Nossos favoritos no Ganso y Castor são os ovos Benedictinos com aspargos

Para sabores latinos e comidas típicas, o Ajiacos y Mondongos e o Mondongos Poblado são, provavelmente, os mais tradicionais, com cazuelas enormes e muito bem servidas, naquela pegada de domingo em família.

Também gosto muito do La Matriarca, em El Poblado, embora seja mais caro. A fachada grafitada chama a atenção do lado de fora, mas, por dentro, o lugar parece a varanda de uma casa de praia. São boas as carnes, que custam entre $30.000 e $45.000, e pratos típicos, como as cazuelas e a bandeja paisa – vale lembrar que os pratos também são grandes e podem ser divididos.

comidas de medellín

De la Pitri – Para comida peruana, recomendamos o lomo saltado do De la Pitri Mitri

Outras boas opções são o peruano De la Pitri Mitri, com um lomo saltado realmente muito bom que, acompanhado de Inca Kola, sai em torno de $30.000, e o argentino Malevo, com carnes suculentas e o delicioso pastel de choclo andino, um escondidinho de purê de milho com recheio de empanada ($29.000). Ambos ficam em Manila.

Para uma comida mais leve e barata, nossos favoritos são dois: O mais “caseiro” é o Gautama, que é perfeito para quem quer comer bem e barato em Medellín: é talvez o lugar onde mais almocei, pela comida saborosa, simples e leve. O menu do dia custa a partir de $15.000 (ou seja, cerca de R$20) e vem com suco, sopa de entrada e prato principal, sempre com uma opção com carne e uma vegetariana. O Gautama é uma saída saudável da manhã à noite, já que serve de bowls de café da manhã a petiscos veggie que combinam com a carta de vinhos, drinks e cervejas.

Prato principal do menu do dia do Gautama: comida barata, fresca e saudável com o temperinho da Colômbia Fotos do Paralelo 17:

Prato principal do menu do dia do Gautama: comida barata, fresca e saudável com o temperinho da Colômbia

Uma opção mais “turística” é o Verdeo, bem moderninho, com um clima meio “yoga lounge”, com paredes de plantas, porções grandes e cardápio vasto. Dá para comer bem por $30.000.

Para sabores orientais, vale saber que Medellín tem restaurantes deliciosos inspirados especialmente no Sudeste Asiático, com boa comida tailandesa, vietnamita e malaia. O meu favorito é o Paralelo 17, um restaurante escondido em uma casa dos anos 60 em Astorga e, por isso, tranquilíssimo. A decoração do pátio aberto é marcada apenas pelas paredes vivas e pelo chão quadriculado, formando um ambiente de um colorido sutil, moderno e agradável.

comidas típicas de medellín

As receitas de inspiração tailandesa do Paralelo 17, um dos melhores restaurantes de Medellín

A comida autoral é das mais criativas de Medellín, bem sucedida na mistura de ingredientes clássicos da mesa latina com o agridoce oriental. De entrada, escolha o pork-belly, barriga de porco caramelizada sobre um plátano maduro, por $16.800 (a opção vegetariana é com tofu) e, nos principais, valem as opções de curry, os pad thai, as costelinhas de porco defumadas com molho de laranja (todos em torno de $27.000 cada) e o peixe do dia, selado, com curry de coco ou molho de tamarindo ($34.000). Finalize com o mango brûlé, meia manga servida na casca com crème brûlée maçaricado ($12.800).

comida colombiana

O Paralelo 17 mistura ingredientes da mesa latina sabiamente, como na Manga Brûlée

No Tal Cual, em Manila, os preços são mais salgadinhos que em outros lugares similares. Aposte nas costelinhas de porco ao molho de tamarindo, no frango ao curry com creme de coco (em torno de $28.000 cada) ou nas receitas com polvo, como o à gallega ($33.000). Dá para almoçar a qualquer dia, ou jantar de segunda a sábado. Aos domingos, abre também para o café da manhã, oferecendo receitas tradicionais, como arepas e tortillas, ou mais parrudas, como lomo saltado ($21.000).

No vietnamita Halong, o que se destaca é o ambiente totalmente aberto, camuflado entre plantas – as receitas bem salpicadas de coentro também são gostosas (como os sanduíches Banh Mi, a partir de $17.000, e o arroz frito com camarões, a $30.000).

Dicas de restaurantes em Medellín

O mais bacana do Halong é o ambiente, totalmente aberto, verde e rústico

O indiano Naan é não só o melhor do estilo em Medellín, mas também um dos melhores restaurantes dos arredores do Parque Lleras, e um dos mais concorridos (reserve se for à noite, especialmente nos fins de semana). Monte um menu com arroz ($6.000), um pão naan ($4.000) e um prato principal, como o curry de cordeiro e frango ou os vegetarianos Makhani Paneer, de queijo, tomate, amêndoas e iogurte, e Dal Coco, com lentilhas, tomates e sementes de mostarda. Você come uma refeição indiana completa e muito gostosa por a partir de R$35, preço bem abaixo da média em um restaurante autêntico do mesmo nível em capitais brasileiras.

Para pizzas, não tenha dúvidas: Café Zorba! Café Zorba! Café Zorba! É uma pizzaria vegetariana, sim, e é sensacional. O ambiente é bem tranquilo, as pizzas de massa crocante e fininha são muito boas (vá na de rúcula, com queijo azul, grana padano e cebola caramelizada, ou na de espinafre, com pistache e creme de macadâmia, ambas a $29.000) e o brownie com sorvete (uma sobremesa que eu jamais pediria se um morador local não insistisse muito) é memorável. Para beber, vinhos e cervejas BBC e 3 Cordilleras. Chegue um pouco antes das 19h, porque a fila é longa e diária.

pizzas de medellín

Pizza de rúcula de espinafre: Prove as do Zorba antes de torcer o nariz

Outra pizzaria muito boa é a Olivia, que também oferece combinações vegetarianas e tem restaurantes em vários bairros da cidade. Tudo no Olivia é de bom gosto, a começar pelo cardápio, que parece um livro da Rita Lobo de tão bonito e bem ilustrado – com as imagens, fica mais fácil decidir.

São muitas opções, mas eu costumo ir em pizzas como a Alfredo ($24.000), com pasta de trufas; a de falafel com base de pesto ($25.000) e na Burratina, com jamón serrano, rúcula e uma burrata grandota sobre o recheio ($37.000); ou nas massas recheadas, montadas conforme o pedido do cliente por a partir de $15.000 (meia porção).

Onde comer em Medellin, Colombia

No Olivia, é tudo muito bom, a começar por essa burrata gigante sobre a pizza

Para comer um hambúrguer (embora não seja o forte colombiano), a melhor aposta é o Chef Burger, em três endereços: El Poblado, Laureles e Envigado. Abre todos os dias com burgers grandes que custam de $15.000 a $20.000, e vem com fritas e molhos gostosinhos, e opções vegetarianas.

Para bebericar e provar de tudo um pouco, dá para conferir o Mercado del Río, na Ciudad del Río. Abre todos os dias, a partir das 8h, e fica pertinho da estação de metrô Industriales e do Museu de Arte Moderna. É uma versão colombiana do Mercado da Ribeira de Lisboa, e é o primeiro do estilo no país, fazendo de um galpão rústico um reduto gastronômico moderno e variado.

Lá tem de tudo e a todos os preços, com lojas de vinhos, cervejarias, cafés, parrillas, hambúrgueres, massas, frutos do mar e comidas de várias origens, inclusive típica colombiana. Vai de restaurantes de rede, como o italiano Parmessano, a lugares hipsters como o café Al Alma e o curioso Lavocaderia, bar com drinks de abacate, enquanto a Cervecería del Río oferece várias artesanais colombianas, como a BBC e a local 3 Cordilleras. É um ótimo lugar para petiscar e comer umas tapas, para provar coisas diferentes na mesma refeição.

Cerveja artesanal colombiana

Medellín tem ótimos bares e pubs de cerveja artesanal, mas há duas cervejas que não dá para perder: a BBC, Bogotá Beer Company, da capital; e a 3 Cordilleras, de Medellín.

A 3 Cordilleras não tem bar próprio, mas a visita à fábrica é bem animada, com DJ ou música ao vivo. Acontece às quintas e sextas-feiras, custa entre $25.000 e $30.000 e inclui 5 chopes da casa (e às vezes até alguns snacks). E não é copinho de degustação, viu? É chopão mesmo.

A BBC, por ser maior, é mais fácil de encontrar em praticamente todos os bares da cidade, e tem alguns bares próprios. O Pub BBC do Parque Lleras é o mais bonitão, envolto em muito verde, e é também o mais intimista, com pegada de restaurante. Já o BBC Square é mais relax, com cara de happy hour e cervejas vendidas na jarra.

No geral, os copos de 330ml saem a partir de $10.000 nas ales e lagers tradicionais, e a partir de $12.000 nas sazonais. Dos pubs da BBC que já fui, gosto das pizzas tradicionais e vegetarianas e dos sandubas como o La Soledad, feito com carne de porco desfiada e barbacue de tamarindo com a cerveja Chapinero Porter – todos saem a partir de $27.000. Para “picar”, ou seja, beliscar, vá nas almôndegas feitas também com a Chapinero, cobertas de muçarela derretida e manjericão, servidas com torradinhas ($18.000).

Melhores restaurantes de medellín

As almôndegas em molho de Chapinero da cervejaria BBC

Outros bares bacanas da Zona Rosa que também oferecem cervejas locais são o Cervecería Maestre, o Metropole Beer Lab, o Craft Pub e o Medellín Beer Factory.

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *